16 April 2024

compra pode ser definida em agosto

2 min read

A Microsoft apresentou um novo documento de mudança de circunstâncias à Autoridade de Concorrência e Mercados do Reino Unido (CMA). A empresa pede que o órgão considere algumas mudanças recentes do mercado na avaliação da compra da Activision Blizzard.

Avez-vous vu cela : HIGHLIGHT

Conforme divulgou o The Verge, a Microsoft quer que sejam levados em consideração acordos de jogos em nuvem (com Nvidia e Nintendo), o contrato que disponibiliza Call Of Duty para a Sony durante 10 anos e materiais apresentados para o Federal Trade Commission (FTC), órgão regulatório dos EUA.

Leia mais:

Dans le meme genre : Shivraj Chouhan memperluas kabinet, termasuk 3 menteri baru

A CMA bloqueou a aquisição pela primeira vez em abril, citando preocupações sobre o efeito da compra no mercado de jogos de nuvem.

O que vem a seguir

Em nota publicada hoje, o órgão do Reino Unido anunciou que comentários sobre os envios da Microsoft serão aceitos até o dia 4 de agosto. A CMA tomará a decisão definitiva até 29 de agosto.

Após conseguir a aprovação do FTC, Microsoft e Activision concordaram em estender o prazo da compra de US$68,7 bilhões (cerca de R$321 bilhões, na cotação atual) para 18 de outubro. Inicialmente, o prazo para a aquisição seria até 18 de julho.

Com isso, as empresas podem dar mais detalhes sobre a proposta final de aquisição da Microsoft nas próximas semanas. Com isso, a empresa ainda terá tempo para resolver as ressalvas da CMA.

Com informações de The Verge.


Todo mês, obtenha itens exclusivos, jogos grátis,
uma assinatura gratuita na Twitch.tv e muito mais
com sua assinatura Prime.
Clique aqui para um teste gratuito de 30 dias.